terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Análise: Sei - Nando Reis 2012

A FORÇA DA INDEPENDÊNCIA

Tentar novos rumos é algo que muitos artistas consagrados não têm coragem de fazer ( isso é até compreensível, partindo da ideia de que ‘’em time que se está ganhando não se mexe’’).
Mas e quando o fazem? Por que o fazem?  Rotina? Cansaço? O quê?
O novo álbum do Nando Reis veio responder algumas dessas perguntas, de forma  única : ‘’Hora de fazer o que se gosta e o que se quer’’.
É explícita a liberdade de Nando nesse trabalho, o desprendimento das letras (sem deixar nunca de sair do seu método de compor envolvente), em resumo, ele fala daquilo que quer falar (ouça e veja a letra de Eu e Bispa e você vai entender).
Outro ponto muito forte desse desprendimento é a proposta nova que mutos artistas em outros países estão fazendo, a ideia meio que ''Casas Bahia'' do ''Quer pagar quanto?'' e precificando os seus trabalhos de acordo com a opinião dos seus ouvintes. Acho nobre e corajoso, um ato que deveria ser copiado por muitos artistas que ''dizem'' nos seus shows, que ''amam'' o seu público. Então, que deixem eles pagarem o quanto vale o seu trabalho. Isso mostra o respeito e confiança no fã.
Músicas como Sei, Pra quem não vem, Declaração de amor, Coração Vago, PersxPectativa, Luz Antiga mostram que Nando ainda possui a fórmula que embalou muitos corações nos seus trabalhos antigos e agora irá embalar novos corações que ainda não tiveram a oportunidade de ouvir algo do genial ruivo.
As outras músicas Pré sal, Back in Vânia, Eu e a Bispa, Ternura & Afeto, Praça da Arvore, O que eu só vejo em você facilmente seriam classificadas como: Feitas para Cassia Eller. E impossível não imaginar como seria cada uma dessas músicas com ela cantando em suas versões exclusivas, ou sua interpretação de atitude.
Ser Arrefecer e Zero Muito, que são boas musicas, não me encantaram muito e  são o que eu chamo de ''musica neutra'', não melhoram e nem pioram a qualidade do álbum, apenas estão lá.
Por fim Lamento Realengo, que fecha o trabalho com uma poesia de força fora do comum, mais uma musica que combinaria perfeitamente com Cassia. É incrivelmente forte e conclui mais um ótimo trabalho de uma dos melhores compositores desse Brasil cheio de gênios incompreendidos.
Recomendo, ouça o disco, compre o disco. Dê suporte ao artista, eu verdadeiramente respeito a sua opinião, visite o site http://nandoreis.uol.com.br/ e dê o seu preço. Veja todo o site, lá tem como você ouvir o disco, ver agenda, discografia, o álbum instagram e todos os meios de se compartilhar e estar antenado com as novidades do músico.

Bem por hoje é só, vou ali e já volto...

Ah sim, para você que tem no seu trabalho um monte de servers enjoados que não liberam nada, mas o seu Youtube ainda rola eu deixo o link do disco pra você ouvir.


Agora sim. Fui...
Volto já!



Nenhum comentário:

Postar um comentário